Defensores Públicos de MS doam mais de 600 protetores faciais para profissionais da saúde

Defensores Públicos de MS doam mais de 600 protetores faciais para profissionais da saúde

Os Defensores Públicos do estado de Mato Grosso do Sul realizaram nesta quarta-feira (29), na Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), a entrega oficial das 656 Face Shield, que serão destinadas aos profissionais da área da saúde de Campo Grande que estão na linha de frente no combate ao Covid-19.

A Face Shield funciona como uma barreira completa no rosto do profissional da saúde, evitando que ele receba pequenas partículas na face. Ela é produzida em PVC cristal estruturado com poliestireno e fechamento na parte de trás com borracha de látex, sendo possível sua higienização com álcool líquido 70%.

A Sesau ficará responsável pela distribuição dos protetores. Na ocasião, o secretário da saúde da Capital, José Mauro Filho,  agradeceu o ato solidário dos defensores e ressaltou a importância da união nesse momento de pandemia.

“Esses protetores faciais serão entregues nas unidades de urgência e emergência, para que possamos garantir e aumentar a segurança dos profissionais. Precisamos desse cenário de união de esforços para enfrentar a Covid-19”, afirma o secretário.

De acordo com o defensor público e presidente da ADEP-MS (Associação das Defensoras e Defensores Públicos do Estado de Mato Grosso do Sul), Dr. João Miguel, toda a verba das doações foi arrecadada entre os próprios defensores. “Quero agradecer aos colegas e a diretoria da Associação que ombrearam essa ação e doaram uma quantia para ajudar ao próximo. Um ato solidário que pode ajudar a salvar vidas”, diz.

Outras ações

No começo do mês, nos dias 8 e 9 de abril, as defensoras e defensores públicos de Mato Grosso do Sul doaram mais de 15 toneladas de alimentos às comunidades carentes da Capital. Mais de 780 famílias, que estão em situação de vulnerabilidade econômica devido à pandemia, foram beneficiadas com as cestas básicas. Além disso, 146 kits de higiene foram distribuídos às pessoas em situação de rua.

“Primeiramente pensamos em amenizar a fome da população, atendemos 11 bairros carentes de Campo Grande. Depois veio a ideia de ajudar esses profissionais da saúde que estão na linha de frente no combate do novo Coronavírus, pessoas que estão dedicando todo esforço possível para salvar vidas”, afirma presidente da ADEP-MS, Dr. João Miguel.

Ambas as campanhas de doação foram organizadas pela Associação das Defensoras e Defensores Públicos do Estado de Mato Grosso do Sul (ADEP-MS) e pela Defensoria Pública do Estado de Mato Grosso do Sul.